Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dr. Luís Romariz

Aumento da longevidade e rejuvenescimento

Dr. Luís Romariz

Aumento da longevidade e rejuvenescimento

Sab | 07.03.15

BENEFÍCIOS DO SOL

Dr. Luís Romariz

 

Dentro de pouco tempo entrará a Primavera e isso aumenta a nossa apetência para actividades ao ar livre! Se formos fisicamente activos e passarmos algum tempo ao sol devemos ter noção de algumas orientações fundamentais para minimizarmos as queimaduras por exposição solar. A exposição solar só é terapêutica se for efectuada de forma apropriada e com peso, conta e medida. Exposição a mais pode levar a queimadura solar, a qual é uma resposta inflamatória corporal à sobre exposição aos raios UVB. Os raios UVA são muito mais perigosos e cancerígenos. Contudo, o que nos faz bem são os raios UVB pois convertem o colesterol da pele em vitamina D3, bem como mobilizam os depósitos cutâneos de nitratos, os quais são benéficos para o coração. Praticamente todas as nossas células têm receptores que respondem à vitamina D, uma hormona esteróide, que tem efeitos endócrinos e parácrinos. A primeira com imensa influência nos ossos, e a segunda influencia célula a célula, diminuindo os riscos de doença cardiovascular, cancro, doença auto-imune e perda da imunidade; aumento da força muscular, e normaliza a tensão arterial. A vitamina D influencia mais de 2000 genes do nosso corpo! Uma exposição solar segura pode fazer maravilhas à nossa saúde:

  • Melhora o humor e a energia
  • Regulariza a produção de melatonina
  • Sincroniza os ritmos circadianos
  • Protege do cancro da pele
  • Atenua os sintomas da esclerose múltipla
  • Alivia os sintomas da fibromialgia

A actual heliofobia induz em erro a população que pensa que a exposição solar faz mal, nomeadamente que é causadora de cancro da pele. Um dos mitos sobre o sol é que basta a exposição solar ocasional da face e mãos. Na realidade, é precisa uma exposição da maior parte do corpo, durante cerca de 20 minutos e perto do meio-dia solar para obter boa produção de vitamina D. Esta exposição, livre de protectores solares proporciona uma produção de 210000 UI de vitamina D. Ironicamente, são os raios UVA disponíveis durante todo o dia solar quem causa o melanoma (cancro da pele). Há vários factores a ter em conta:

  • Quanto menos nuvens, melhor.
  • Quanto mais afastado do equador estivermos, menor a quantidade de UVB
  • No verão devemos limitar a exposição solar, mas a Primavera é a altura ideal para usufruir plenamente do sol.
  • A melhor altura do dia é entre as 12 e as 14 horas.
  • Os protectores solares bloqueiam a formação de vitamina D

Devemos ter atenção aos sinais de queimadura solar:

  • Vermelhidão da pele.
  • Pele quente ao toque
  • Desconforto ao toque
  • Secura e enrugamento da pele

Estes sintomas não são imediatamente perceptiveis, normalmente apnas algumas horas após a exposição solar, e tornam-se dolorosos às 24 horas após a exposição. Os casos mais graves, com febre, devem ser observados por um médico.

Proteja sempre o rosto com um chapéu e/ou protector biológico para evitar o foto-envelhecimento. Antes da exposição aplique óleo de coco e beba muita água. Limite a exposição inicial e vá aumentando aos poucos. Tome astaxantina, licopeno (tomates) e mirtilos para prevenir os efeitos nocivos do sol. Não exagere no consumo de fruta, para não promover a glicação. As vitaminas A e C são importantes na defesa contra os efeitos nocivos dos UV.

Use cremes com Aloé Vera e chá verde.

Os protectores solares são potencialmente cancerígenos, use um que seja biológico!