Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dr. Luís Romariz

Aumento da longevidade e rejuvenescimento

Dr. Luís Romariz

Aumento da longevidade e rejuvenescimento

Sex | 27.03.09

O SAL E OS MILAGRES

Dr. Luís Romariz

Cientistas da Universidade da Califórniarom the University of California, São Francisco efectuaram um estudo para determiner o impacto que a redução na ingestão de sal poderá tern a redução das doenças cardiovasculares e nas mortes daí resultantes. Usando uma simulação assistida por computador chamada Coronary Heart Disease Policy Model, os cientistas descobriram que a redução de um simples grama de sal na nossa alimentação podia salvar 800 000 mortes entre os anos de 2010 e 2019. Se em vez de 1 grama se poupassem 6 gramas de sal diariamente, então o impacto seria mais dramático: seriam poupadas 1.4 milhões de casos de doença cardiovascular – e consequentemente menos 1.1 milhões de mortes. Apesar dos riscos do consumo de sal serem sobejamente conhecidos, os ocidentais ingerem muito sal, quanto mais não seja nos alimentos processados. Isto representa um acréscimo de 50% na ingestão de sal desde os anos 70. E se repararmos a hipertensão arterial subiu de forma análoga.

Ora o sal, meus amigos, foi sempre um bem escasso, muito apreciado pelo facto de permitir uma vida saudável. E de tal forma assim é que o termo salário deriva do facto de parte do pagamento do vencimento dos soldados Romanos ser efectuado em sal. O organismo humano evoluiu milhões de anos a poupar sal, criando todos os mecanismos possíveis para fazer face à pobreza neste elemento e de repente afogamos o nosso corpo em quilogramas de sal. Claro que invertemos a situação e sobrecarregamos o organismo provocando a prazo hipertensão arterial e doença cardiovascular. E afinal, segundo os cientistas a poupança de apenas 6 gramas poderia funcionar como um autêntico milagre para nós. Neste caso poderemos fazer de Deuses e fazer esse milagre!