Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dr. Luís Romariz

Aumento da longevidade e rejuvenescimento

Dr. Luís Romariz

Aumento da longevidade e rejuvenescimento

Qua | 23.02.11

PORQUE AS MULHERES VIVEM MAIS TEMPO DO QUE OS HOMENS

Dr. Luís Romariz

As mulheres têm um segredo em relação à longevidade. Está-lhes nos genes. Na realidade deveria ser ao contrário pois perdem mais hormonas e mais abruptamente. Mas o “segredo” para obter mais e melhores anos já foi revelado. Vou explicar como é que ele funciona. Investigadores espanhóis descobriram porque é que as mulheres vivem mais. Eles descobriram que as mulheres “sobre expressam” um gene que despoleta a produção de uma fantástica “super enzima”, a qual amplia longevidade feminina através da acção sobre cada célula do seu corpo. Esta descoberta foi publicada no jornal da Federação Europeia de Sociedades Bioquímicas, mas passou desconhecida da maior parte dos médicos. Os que a conhecem chamam-lhe “Enzima Matusalém” em honra de Matusalém – o personagem mais longevo da Bíblia – e com toda a propriedade. Em alguns pouco divulgados e pequenos estudos sobre anti-envelhecimento descobriu-se que os mamíferos que produzem os níveis mais elevados desta enzima têm a maior taxa de longevidade. E quando alteraram geneticamente moscas da fruta para produzirem o dobro desta enzima, elas passaram a viver o dobro. Parece haver uma associação entre esta enzima e quantos anos vivemos. E isto é verdadeiro quer para as mulheres, quer para os homens. Notícias fantásticas … especialmente porque desde há pouco tempo podemos obter esta maravilhosa molécula. A super enzima chama-se SOD – super oxido dismutase -  e é a primeira linha de ataque contra os radicais livres, ou seja, é o nosso antioxidante primário. Esta enzima é tão vital que a sua produção começa no útero. Os antioxidantes secundários como o CoQ10, as vitaminas C e E, etc. são obtidos de fontes exteriores, normalmente através da alimentação. O maior obstáculo à suplementação desta enzima encontrada em grandes quantidades sobretudo no melão, é o facto de ser destruída no estômago. Mas cientistas descobriram uma maneira de ultrapassar isto ligando-a a uma proteína do trigo, nascendo a Glisodina. Este antioxidante é “só” 3500 vezes mais potente do que a vitamina C. Os radicais livres são “moléculas” que atacam todos os tecidos do nosso corpo, oxidando-os. Isto acontece porque respiramos oxigénio e comemos. Mas há outro problema. Estes radicais também são fruto da poluição e da exposição a tóxicos. E ao nível da pele são formados pela simples exposição à radiação solar. Pela primeira vez temos uma maneira efectiva de obter mais SOD. Pena que seja dispendiosa! A combinação da SOD com alguns antioxidantes como o resveratrol, o ácido lipoico e as vitaminas pode levar a vida a limites impensados.

Seg | 21.02.11

REVERTER OS SINAIS DO ENVELHECIMENTO

Dr. Luís Romariz

Os avanços na tecnologia anti-aging alcançaram novos paradigmas, e isso são boas noticias. É que agora, pela primeira vez, podemos controlar o ritmo de envelhecimento da nossa pele. Há um avanço capaz de aumentar a longevidade das células da pele e de reduzir os sinais visíveis do envelhecimento. A substancia em questão chama-se Teprenona obteve resultados impressionantes em estudos clínicos num período de 30 dias:

  • 100% dos participantes tiveram uma melhoria nas manchas solares e na hidratação.
  • 90% dos pacientes tiveram uma redução significativa nas vermelhidões e no tamanho dos poros.
  • 75% deles notaram uma melhoria na rugas finas, na firmeza da pele, no seu tónus, e na sua elasticidade.
  • A resistência aos raios UV aumentou em 100%.

Já falei no incrível avanço na biologia dos telómeros … os telómeros são parte do ADN. Podem ser encontrados em cada célula do nosso corpo sendo  fundamentais ao rejuvenescimento celular. Mas à medida que as células se dividem (renovam) os telómeros ficam mais curtos, e quanto mais curtos, mais envelhecemos … e mais envelhecidos parecemos. Actualmente é possível interferir neste processo, mantendo os telómeros compridos … pelo que as células deverão ter uma vida tendencialmente ilimitada. Ora, a Teprenona atrasa o encurtamento dos telómeros activando as telomerases, facilitando o rejuvenescimento celular cutâneo em cerca de 30%. Assim, pode diminuir as rugas e acentuar o efeito lifting, ao mesmo tempo que diminui os “pés-de-galinha” e as manchas senis. A Teprenona também é sinérgica com os antioxidantes, aumentando a sua acção. Para uma pele fabulosa também precisamos de ácido hialurónico (HA). Quando somos jovens temos imenso, mas à medida que envelhecemos ele vai diminuindo. O HÁ para além de hidratar a pele (absorve 1000 o seu peso em água), também estimula a produção de colagénio, e é um material óptimo para preencher sulcos e rugas.

Seg | 21.02.11

TEM O CÁLCIO QUE PRECISA?

Dr. Luís Romariz

Actualmente, o cálcio está em toda a parte. Mesmo que queiramos é difícil não o ingerirmos. Ele está no pão, leite. Sumos, pasta, iogurte … até na água, dependendo da zona em que vivemos. É muito cálcio! Suplementar com uma ingestão extra não é uma grande ideia. Uma revisão publicada no British Medical Journal feita através da análise de onze estudos diferentes sobre a suplementação com cálcio mostrou que mais do que 500 mg diários pode aumentar o risco de doença cardiovascular em 31%. Estas pessoas tinham hipóteses de sofrer de mais do que um ataque cardíaco. Outro estudo analisou 1471 mulheres que tomavam 1 grama de cálcio diariamente, ou placebo. A metade que tomou cálcio tinha o dobro risco cardíaco dos que não tomaram cálcio. Sendo um adulto saudável apenas são necessários cerca de 800 mg diariamente. Enquanto tivermos uma alimentação saudável não precisaremos de a suplementar com cálcio. São óptimas fontes de cálcio: os queijos, os vegetais verdes nomeadamente as couves e os brócolos, as sardinhas e os frutos secos. Para haver a certeza que retemos o cálcio ingerido precisamos de 400 mg diários de magnésio e pelo menos 1000 UI de vitamina D. Assim, tome uma cerveja ao sol e relaxe.

Seg | 14.02.11

DIGA “AMO-TE” COM ALIMENTOS SAUDÁVEIS

Dr. Luís Romariz

O dia de S. Valentim é a altura perfeita para dizer “amo-te” mostrando o seu verdadeiro amor com alimentos cardio saudáveis. Esqueça as ostras e o champanhe porque o verdadeiro menu do amor é chocolate preto e vinho tinto. Estes têm nutrientes positivos para o nosso coração, nomeadamente o resveratrol e catequinas. Um bom menu de dia dos namorados é:

  • Aveia que é uma boa fonte de fibra solúvel, niacina, folato e potássio
  • Salmão ou atum, ambos excelentes fontes de óega-3
  • Nozes e amêndoas, ricas em vitamina E, magnésio e monoinsaturados
  • Mirtilos que contêm betacaroteno, luteína, antocianina, ácido elágico, e vitamina C

É uma questão de imaginação, mas poderá optar por aveia ao pequeno-almoço; salmão ao jantar, no qual poderá usufruir de uma sobremesa de frutos silvestres com nozes ou amêndoas regados com chocolate preto derretido.

Seg | 14.02.11

CORTE NO RISCO DE CANCRO DA MAMA

Dr. Luís Romariz

De acordo com o National Breast Cancer Foundation, serão diagnosticados 200000 novos casos de cancro da mama a cada ano – 40000 vidas que se perderão - que passa, tornando-o três vezes mais comum do que os outros tipos de cancro ginecológico. O que realmente perturba é o ritmo a que este tipo de cancro aumenta, ano após ano e os factos associados:

  • Uma mulher em cada oito, que vivam até aos 85 anos, desenvolverá cancro da mama.
  • È o maior assassino nas mulheres entre os 40 e os 55 anos.
  • 15% dos cancros da mama ocorrem em mulheres menores que 45 anos sendo os cancros mais agressivos neste grupo.
  • 80% dos quistos mamários não são cancerosos.75% dos cancros da mama são descobertos através do auto-exame da mama.
  • 80% das mulheres com diagnóstico positivo para cancro da mama não têm historia familiar deste tipo de neoplasia.

Infelizmente, a moderna medicina não tem grandes respostas sobre o que causa o cancro da mama e sobre como o tratar. Estima-se que poderiam ser evitados cerca de 40% dos cancros da mama pois há bases cientificas para acreditar que esta é uma doença “feita pelo homem”, devendo-se ter atençaõ sobre os seguintes sinais:

  • Qualquer nódulo ou espessamento que torna a mama diferente do tecido circundante.
  • Perda de qualquer tipo de liquido pelos mamilos, especialmente se for sanguinolenta.  
  • Qualquer alteração no tamanho ou na forma das mamas.
  • Qualquer alteração da pele das mamas.
  • Vermelhidão ou pele em casca de laranja.
  • Doe ou tensão mamária não cíclica.
  • Mamilo invertido ou descamação mamilar.
  • Aumento de nódulos linfáticos ou inchaços no sovaco.

Se tiver alguma destas alterações deverá consultar um médico imediatamente. Mas nada de pânico – lembre-se que a maioria dos tumores é benigna. Mas o que causa o cancro da mama? A palavra-chave é inflamação. Esta causa o desenvolvimento e a progressão do cancro. Claro que há factores agravantes na alimentação e no ambiente, mas é a INFLAMAÇÃO que faz com que o pior aconteça. Embora os genes tenham uma palavra a dizer, a expressão genética depende de nós. A HRT (substituição hormonal NÂO bioidêntica) é uma das razoes para o aparecimento de cancro da mama, pois este está relacionado com a exposição não controlada aos estrogénios alienígenas – agravada pela exposição às progestinas (a progesterona defende do cancro da mama, ao contrário das progestinas sintéticas). As mamografias, por paradoxal que pareça, também são capazes de induzir esta patologia – veja-se o que foi publicado na prestigiada revista médica The Lancet: em Julho de 1995: “Os benefícios são marginais, o dano causado às mamas é substancial, e os custos tornam-se enormes”. Neste particular é uma pena não se ter “adoptado” a termografia! No campo dos suplementos alimentares com actividade preventiva no cancro da mama temos a curcumina e a vitamina D que:

  • Inibem a proliferação das células tumorais
  • Ajudam a destruir as células cancerosas pelo nosso sistema imune
  • Diminuem a inflamação
  • Aumentam a função hepática
  • Previnem a formação de vasos sanguíneos essenciais ao desenvolvimento das células cancerosas

Para alem disto é preciso ter estilos de vida saudável, nomeadamente controlar a ingestão de HC pois é a glicose que serve de combustível ao crescimento e á disseminação das células cancerosas.

Dom | 13.02.11

MELHOR DO QUE VIVER PARA SEMPRE

Dr. Luís Romariz

Não me importo de ser cinquentão. Tenho o bom senso para usufruir do que aprendi nos últimos 30 anos de actividade médica, e para continuar a aprender coisas novas especialmente no âmbito da medicina anti-envelhecimento. Mas não pretendo, nem posso, viver para sempre. Sem enganos, gostaria de poder passar os 90 ou mesmo os 100. Mas com a mesma qualidade de vida de agora. Gostaria de poder manter uma idade pulmonar de 25 anos e cardiovascular dos 35. Entretanto, suplemento a minha alimentação com activadores da telomerase nomeadamente o resveratrol. A telomerase é uma enzima responsável pela reconstrução do ADN permitindo a renovação celular infinita … ou seja, a imortalidade celular. Isto é o mesmo que a imortalidade do nosso corpo? Certamente que não, mas pode rejuvenescer-nos ao nível celular. Uma das maneiras de podermos chegar bem aos 90 é quantificar e melhorar todos os sinais corporais, incluindo:

  • a capacidade cardíaca
  • a resistência dos ossos e a força muscular
  • a flexibilidade das artérias
  • a composição corporal
  • a Vo2 máxima
  • a reserva cardiopulmonar
  • o tempo de reacção, e a velocidade
  • a visão e a forma física
  • a capacidade para deter a inflamação celular e aumentar a imunidade
  • a capacidade para combater a oxidação

O envelhecimento é o maior factor que nos impede de manter uma saudável e normal função corporal. De facto, a maioria das pessoas maiores que 65 anos tem:

  • menos que 90% de função pulmonar normal
  • menos que 85% de valores normais do açúcar sanguíneo
  • menos que 65% de articulações saudáveis
  • apenas cerca de 50% da normal função cardíaca

E saiba que o maior factor ligado à sobrevivência dos transplantados de medula óssea é a idade dos dadores! A razão é que quanto mais jovens formos maior é o comprimento dos nossos telomeros e como tal maior a nossa sobrevivência. Maximize o seu potencial e preserve a juventude e a vitalidade dos seus tecidos corporais. Faça exercício físico e coma conforme os nossos preceitos. Suplemente a sua alimentação com os nutrientes que podem activar a telomerase.

 

Dom | 13.02.11

MITOS DO EMAGRECIMENTO

Dr. Luís Romariz

Um dos piores mitos que tenho ouvido é de que comer “comida saudável” mantém-nos magros. E qual é então o conceito de comida saudável? Normalmente, engloba o conceito de pouca gordura e cerca de 45% de hidratos de carbono (HC):

• Cortar calorias faz perder peso. Não corresponde à verdade, pois as calorias não são todas iguais. As calorias provenientes das proteínas não têm nada a ver com as das gorduras e pior ainda com as derivadas dos HC. Estes últimos são transformados em gordura armazenada (TG). Mais, se cortarmos muito nas calorias ingeridas o nosso corpo reage como se estivesse a morrer à fome e faz de tudo para preservar a gordura existente.

• Cortar na ingestão de gordura faz perder peso. Este é o erro associado ao ALLI, pois comer gordura não nos torna gordos. Aliás não é possível transformar a gordura em gordura, pois ela já o é. E o nosso corpo necessita das vitaminas liposolúveis contidas nas gorduras – A, D, K e Q10.

• Longos exercícios de aeróbica levam à perda de gordura. Levam à perda de energia, mas pode não ser sob a forma de gordura. Podemos chegar à falta de músculo – veja-se o caso dos maratonistas.

Compare o seu peso, nomeadamente a sua composição corporal antes e depois dos regimes alimentares e dos exercícios. Pode ser que tenha surpresas!

Sab | 12.02.11

Cara leitora

Dr. Luís Romariz

Boa tarde,

Após leitura do artigo de 05/02/2011 “A sua pele está a morrer à fome?”  ,  gostaria de saber em que  produto se encontra   o  acido hialurónico e a vitamina A , bem  como os suplementos de GLA  e EPA.


A vitamina A pode ser obtida  quer através da manteiga e óleo de figado de bacalhau, quer através da conversao dos betacarotenos dos frutos e legumes como a cenoura. O GLA é tradicioanlmente obtido ingerindo o óleo de borragem ou onagra. O EPA pode ser obtido consumindo sardinha ou putros peixes de águas frias.

O ácido hialurónico (HA) é formado à custa de vários constituintes da alimentação.

Todos eles podem ser obtidos através de suplementos. O HA pode ser suplementado em cremes faciais, mas a melhor opção é a introduçao atraves de microagulhas.

Sab | 12.02.11

MOLÉCULA MARAVILHA

Dr. Luís Romariz

Se quiser manter-se activa e saudável deverá considerar incrementar a sua produção celular de óxido nítrico (NO). O NO é o sinal que o nosso corpo utilize para fazer relaxar sistema vascular permitindo um brutal aumento de fluxo sanguíneo. Para além disto o NO intervém na produção hormonal, na regulação da temperatura corporal e na utilização das proteínas. O premio Nobel da medicina 1998 foi atribuído pela descoberta desta molécula “maravilha” que tem um super papel na manutenção de uma tensão arterial normal e na prevenção de doença cardiovascular. Os vasos sanguíneos são como “mangueiras” elásticas que se podem distender como um balão, expandindo-se e permitindo desta forma um aumento de fluxo sanguíneo e uma normalização dos valores da tensão arterial. À medida que envelhecemos, as nossas artérias ficam mais rígidas e estreitadas em boa parte porque a nossa produção de NO pelas células endoteliais das artérias diminui. Quando o coração bombeia uma quantidade de sangue normal contra artérias estreitadas ocorre hipertensão arterial. É como se apertássemos uma mangueira quando estamos a regar. O jacto sai com muto mais força (pressão). Infelizmente, uma das piores respostas da moderna medicina é a prescrição de nitratos como o Ismo, Isordil, Imdur ou Monoket. Estes dilatam temporariamente as artérias. Contudo lesam o endotélio – a camada celular que reveste as artérias por dentro – piorando a situação a médio prazo. Pessoas com disfunção endotelial é as sofrem mais ataques cardiovasculares. A solução está em produzir mais NO. A primeira matéria-prima é a arginina. A Citrulina é outra. Podemos encontrar arginina nas carnes, frutos secos, feijoes, uvas e sementes de sésamo entre outras. Também podemos obter a arginina através de suplementos cuja dose diária ideal é de 5 gramas. A citrulina é reciclada em arginina. Para além destes dois importantes aminoácidos, há outros nutrientes capazes de incrementar o NO. O primeiro é o alfa-quetoglutartato ou AKH. Ele promove a formação de hormonas importantes como a hormona do crescimento e a insulina e a formação de arginina, e portanto de NO. Tal como o citrulina pode ser suplementado na dose diária de 1 grama. O Gingeng Coreano (ou ginseng panax) é amplamente ingerido para ajudar a lidar com o stress. Também provou conseguir aumentar a testosterona e aumentar o fluxo sanguíneo na dose de 2 a 3 gramas dia. Finalmente, consideraremos a beterraba. Quando ingerida parte transforma-se em NO e o efeito dura cerca de 24 horas. A melhor maneira de obter os seus benefícios é mastigando-a crua ou adicionar o seu sumo aos batidos. Também podemos usar os seus extractos na dose diária de 1 grama.

 

Sex | 11.02.11

SEGREDO PARA TER MELHORES ARTICULAÇÕES

Dr. Luís Romariz

Certamente sabe que a vitamina C faz bem à saúde, e que ajuda a “limpar” as artérias, combater a inflamação e a gripe, e que é fundamental para ter uma boa pele. Mas pode não saber que o nosso corpo a destrói rapidamente. É que ele usa-a também para fabricar o colagénio, a proteína mais abundante do nosso corpo. O colagénio é a base para a pele, ossos, dentes, vasos sanguíneos, olhos, coração … praticamente todas as partes do nosso corpo. Este elemento é mais forte do que fio de aço, e fazendo parte de uma rede de substancia elástica chamada elastina, produz o tecido conectivo que suporta e agrega todos os outros tecidos do nosso corpo. Isto significa que sem vitamina C para fabricar colagénio, nós “derreter-nos-íamos”. As articulações falhariam, os vasos sanguíneos quebrariam, e as gengivas ficariam ulceradas; os dentes cairiam e a imunidade falharia na sua missão de no defender. E tudo por falta de vitamina C. Quando isto acontece, e acontecia aos nossos antigos navegadores, falamos de escorbuto. Cerca de 90 mg diários de vitamina C impedem a manifestação desta doença fatal, mas não são suficientes para as necessidades de todo o resto. Na realidade, comparando com os animais capazes de produzir a vitamina C, nós precisaríamos de quantidades compreendidas entre 3 e 10 gramas diários. Até o fluido presente dentro das articulações tem colagénio na sua composição – para ale de plasma e ácido hialurónico e outras proteínas. À medida que envelhecemos deterioramos as nossas articulações ficando com menos fluido sinovial. Assim, precisamos de uma estratégia para manter as articulações em bom estado:

  • Ingerir suficiente vitamina C. Comer bagas, laranjas, kiwis, pimentos, etc. Suplementar com vitamina C em doses de pelo menos 3 gramas.
  • Tomar glucosamina em doses de 1500 mg diários.
  • Cerca de 55 mg diários de Selénio podem diminuir a possibilidade de ter osteoporose e alterações articulares.
  • A ingestão de 500 mg de ácido glucorónico, um dos componentes principais do ácido hialurónico, ajuda a manter a saúde articular.
  • O peso ideal também é fundamental para obter este último desiderato, bem como a ingestão adequada de ácidos gordos essenciais ómega-6 e ómega-3 (2 a 5 gramas).
  • A gelatina, normalmente usada para culinária, também contém colagénio (7 a 10 gramas diários).

 

 

Pág. 1/2