Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dr. Luís Romariz

Aumento da longevidade e rejuvenescimento

Dr. Luís Romariz

Aumento da longevidade e rejuvenescimento

Seg | 17.05.10

Cara leitora

Dr. Luís Romariz

Faço uma alimentação essencialmente à base de vegetais, pois sempre me disseram que não era bom ingerir qualquer gordura saturada.

Conclui pelos vossos artigos que é aconselhada a utilização de manteiga integral em detrimento das manteigas de origem vegetal.

Também tenho lido que a manteiga faz muito mal à pele? Será isto verdade?

Seria possível esclarecerem-me o que é manteiga integral?

Obrigada

J. Martins

 

Equilíbrio e bom-senso deverão ser as principais armas dos médicos. A gordura saturada é necessária ao nosso organismo e tem feito parte da nossa alimentação desde há milhões de anos! Mais, as gorduras de origem animal são mais insaturadas do que saturadas na sua composição. Que eu conheça apenas a gordura do óleo de coco é 100% saturada, e mesmo essa é benéfica.

Altamente prejudiciais à nossa saúde são as margarinas e os óleos vegetais de consumo alimentar. A manteiga deve ser consumida com moderação e não deve ter sido objecto de processamento industrial - manteiga integral - (sem gordura; etc.). Isto permite manter ácidos gordos benéficos e vitaminas liposolúveis importantes, tais como a vitamina A. Preferencialmente devemos ingerir manteiga sem sal. As gorduras saturadas dão rigidez às membranas celulares, pelo que em quantidades óptimas ajudam a manter uma pele saudável. Depois. Manteiga a também pode constituir um bom ingrediente (50%) para fritar numa frigideira em conjunto com azeite. Finalmente, tenha em conta que uma alimentação à base de vegetais não fornece a quantidade/qualidade proteica que necessitamos.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.