Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dr. Luís Romariz

Aumento da longevidade e rejuvenescimento

Dr. Luís Romariz

Aumento da longevidade e rejuvenescimento

Qua | 12.05.10

Cara Ana

Dr. Luís Romariz

Boa tarde. Estou a pensar fazer uma lipo não invasiva e, como tal, decidi recorrer à internet para a aprender mais sobre o tema. No início da minha pesquisa fiquei muito entusiasmada, pois só encontrei artigos que diziam muito bem do tal procedimento. Mas, agora que leio este post, fico um pouco apreensiva. Por um lado vejo relatos de pessoas que notam óptimos resultados, como é o caso da Joana Andrade, que passou de um 42 a um 36 em 3 meses. Por outro lado, dizem que este tratamento só se adequa à perda de pequenas quantidades de gordura... Estou um pouco confusa, pois aquilo que ambiciono é, tal como a Joana Andrade, passar do meu (vergonhoso) 42 para o tão desejado 36. A lipoaspiração não invasiva adequa-se ou não à minha situação? Agradeço desde já a atenção.

 

Infelizmente não há receitas fáceis tal como não há almoços grátis. Quando queremos perder peso e volume devemos ter em conta que o que QUEREMOS é perder gordura. Ninguém quer perder peso também à custa da perda de massa orgânica como de coração, por exemplo. A ideia de que mais exercício e menos calorias também é errada pois as calorias não todas iguais, e por outro lado o exercício apenas aumenta a taxa metabólica. Posto isto, vamos ao que interessa! A perda de gordura está dependente de uma hormona chamada lipase. Esta fica bloqueada enquanto houver insulina nos receptores celulares, pelo que se torna evidente que é pela diminuição franca dos HC de maior índice glicémico que é possível passar a gastar gordura. Mas ainda assim ela tem de ser queimada nas mitocôndrias celulares. A outra forma é através da lipoaspiração invasiva, mas esta não actua na gordura intraabdominal. Quanto à não invasiva, continuo a perguntar: para onde vai a gordura? Garantidamente não sairá pela urina, suor e mesmo nas fezes será uma quantidade mínima. Isto é fácil de verificar com análise diária à urina...! Temo que possa ser acumulada na cavidade abdominal, e aí sim... TEMOS um grande problema de saúde.

Penso que a lipo não invasiva pode ter indicação na perda de gordura abdominal extra cavitária após um programa de emagrecimento saudável, e devidamente acompanhado por exercício físico.

Uma sala não fica limpa se pusermos o lixo debaixo do tapete!

fv