Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dr. Luís Romariz

Aumento da longevidade e rejuvenescimento

Dr. Luís Romariz

Aumento da longevidade e rejuvenescimento

Seg | 07.07.08

RIGIDEZ

Dr. Luís Romariz

 

A maioria das pessoas já experimentou uma rigidez no pescoço ou ombro, a qual restringe dolorosamente os nossos movimentos. A maioria das pessoas sofre desnecessariamente de dores e limitações articulares dependentes de maior ou menor grau de rigidez, encurtamento e adesão do tecido muscular, ligamentar e conectivo.
Muitos se apercebem que padecem de rigidez, mas nada fazem para a contrariar, pensando que a flexibilidade é coisa de jovens e não pode ser melhorada. Muitos falham porque são ensinados de forma errada.
O comprimento e a elasticidade dos nossos músculos e ligamentos e das nossas articulações está dependente do tipo de uso e movimentos que lhes damos. Ou seja, um correcto programa de alongamentos, suave e progressivo, leva a uma flexibilidade aumentada que invariavelmente espanta os próprios doentes. Estudos com idosos revelam que um programa deste tipo, bem desenhado e personalizado, aumenta extraordinariamente a flexibilidade, prevenindo quedas e aumentando a qualidade de vida. E cerca de 10 minutos diários são o suficiente.

Mas, e há sempre um mas, não basta efectuar os clássicos alongamentos de forma estática. É necessário fazer alongamentos em movimento, pois essa é que é a realidade do dia-a-dia. E não adianta forçar os músculos até ao ponto de dor. Pode ser meio caminho andado para uma lesão. Um bom programa de alongamentos utiliza no inicio das sessões a posição de deitado, pois permite um relaxamento imediato dos músculos tónicos da coluna e dos membros inferiores.