Não ponha na pele algo que não seja capaz de ingerir
Mais informações:
Tel.: 22 4220111
Aumento da longevidade e rejuvenescimento funcional biológico, isto é, dar mais anos à vida e mais vida aos anos.

Envie a sua questão

As respostas às suas dúvidas atendem a diversos critérios. Neste serviço, não serão consideradas válidas questões com falta de enquadramento ou situações de emergência que só possam ter encaminhamento imediato.

E-mail: anti-envelhecimento@sapo.pt

Posts recentes

HORMONAS BIOIDÊNTICAS

QUER SABER SE A SUA TIRÓI...

ATAQUE CARDÍACO - Factore...

ELECTRÕES, TOXINAS, E DOE...

EXERCICIO DE CADA DIA … N...

DIETA H.C.G.: EFICAZ? DIS...

A VITAMINA C REJUVENESCE ...

ATAQUE À TIRÓIDE

FAÇA CRESCER TECIDO CEREB...

ESCORBUTO SUBCLÍNICO

Arquivo

Novembro 2017

Dezembro 2016

Junho 2016

Abril 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Novembro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Outubro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Consultas em Lisboa

Consultas de Saúde da Mulher (hormonas bioidênticas) e Saúde do Homem:


Marcações pelo Tel. 911 506 033


Para aceder aos cosméticos biológicos clique na imagem à esquerda

Terça-feira, 26 de Janeiro de 2010

É POSSÍVEL EMAGRECER SEM TOMAR MEDICAÇÃO? “NIM”

A máxima em Medicina é “nem sempre, nem nunca”. Vejamos o que se passa com o excesso de peso ou com a obesidade. Antes de mais, convém dizer que é uma doença, e que é multifactorial. Não é branco nem preto, há muitos factores envolvidos e muitas vezes eles somam-se.

Assim, podemos pensar em factores de risco como comer demasiado, comer doces ou hidratos de carbono de alto índice glicémico, comer porque nos sentimos infelizes e a comida conforta-nos, passar a vida a petiscar, medicações, desequilíbrios hormonais, etc.

Então o que fazer? O primeiro passo, sem o qual nunca entenderemos o doente que temos na nossa frente e as causas da sua obesidade, consiste em obter uma história clínica, de exercício físico e nutricional. Assim, ficamos com uma ideia das razões do sobrepeso de cada paciente, a abordagem TEM de ser personalizada, e podemos partir para as avaliações de composição de massa corporal, determinação de pregas cutâneas e análises.

Quando tivermos todos estes dados integrados num diagnóstico será mais fácil determinar a respectiva terapia.

 

Uma perda de peso quer-se à custa de massa gorda e não de músculo ou de órgãos. É pois fundamental a introdução, cientificamente validada, de uma dieta proteinada e suplementada.

O plano nutricional deverá ter em conta os gostos dos pacientes e a sua bolsa. Sem deficit calórico não há perda de gordura. Os suplementos antioxidantes e os extracto vegetais – nomeadamente chá verde, Irvingia e Hoodia – podem ser preciosos e não interferem com o SNC.

Por fim teremos que equacionar: a doente terá algum grau de alimentação emocional? Nesse caso podem ser necessários os tais medicamentos. A questão está em justificá-los e ter em conta os seus potenciais efeitos secundários, explicando-os muito bem aos doentes. A opção final deverá contar sempre com o seu consentimento informado.

 

Por fim o exercício físico. É imprescindível para emagrecer? Não, mas será determinante. Muitas vezes, numa primeira fase, é difícil convencer as pessoas a aderir ao exercício. Mas com o passar do tempo e a constatação que se está a perder massa gorda as pessoas tornam-se mais receptivas ao treino, pois já agora querem tudo a que têm direito. E a modelação corporal passa OBRIGATORIAMENTE... pelo exercício físico!

Este post vem na sequência de um programa na TSF sobre lipoaspiração não invasiva. Independentemente de outras considerações, e das pessoas poderem perder volume, gostaria que reflectissem sobre o seguinte:

A gordura que saia dos adipócitos tem de ir parar obrigatoriamente ao fígado. Este é que vai determinar o que fazer com ela. Não é possível excretar gordura pela urina, e nas fezes a quantidade será mínima. Para verificarem basta fazer uma análise à urina após as sessões e vêem que a gordura é ZERO. Então para onde vai? O pior que poderá acontecer será o fígado depositá-la na cavidade abdominal! 

publicado por Anti-Envelhecimento às 19:00
link do post | comentar
4 comentários:
De Dietas para Emagrecer a 29 de Junho de 2010 às 16:46
Apesar do exercício físico não ser imprescindivel acho que é totalmente aconselhável. Todos deveriam de fazer exercício físico independentemente de estar em dieta ou não.

Muitas pessoas têm pavor a exercício físico... não é preciso correr meia maratona ou levantar pesos.

Caminhar durante meia hora é um começo e dá bons resultados tanto em questão de queimar calorias como na motivação e bem estar depois do exercício.
De obesidade a 27 de Agosto de 2011 às 01:22
Na minha opinião o exercicio físico é obrigatório. O corpo humano não foi feito para ser tão sendetário com a maioria das pessoas é hoje em dia. Para quem necessita de perder muito peso é essencial algum movimento. O mais indicado são longas caminhadas várias vezes por semana, de preferencia 40 minutos, 5 vezes por semana.
De Anti-Envelhecimento a 30 de Agosto de 2011 às 10:59
Pois, isso é importante como parâmetro de saúde mas não implica emagrecimento. Este está fundamentalmente dependente da ingestão calórica.
De trimgel, emagrecer barriga a 23 de Janeiro de 2011 às 15:03
É possível sim, fazendo exercício...

Comentar post

Torne-se fan da nossa página:

Dr. Luís Romariz

Dr. Luís Romariz licenciou-se em Medicina pela Faculdade de Medicina do Porto em 1979, e especializou-se em Medicina Familiar em 1988, tendo actualmente o grau de Assistente Graduado. Tem desenvolvido a medicina preventiva nos últimos 27 anos e alcançou o International Certificate of Age Management Medicine no Cenegenics Medical Institute de Las Vegas, em 2005. Tem ainda pós-graduação pela Harvard Medical School, e pela Medical School of Yale University. Tem o curso de Internacional de Mesoterapia e de Medicina Estética. membro diplomado da AMME da França. É membro da Americana A4M, da Life Extension Foundation e da Andropause Society, do Reino Unido. Speaker internacional. É o pioneiro da medicina Anti-Aging em Portugal É o fundador do Instituto Médico NewAge, no Porto.

Medicina Anti-Envelhecimento

Especialidade médica (Age Management Medicine) nascida há cerca de 8 anos nos EUA e que encara o envelhecimento como uma doença da qual conhecemos as principais causas e os sintomas, mas que ainda não é curável.
Não sendo curável é no entanto possível retardar o seu aparecimento e praticamente suprimir os sintomas. Isto consegue-se à custa de:
- Medicina preventiva proactiva, curativa de tecnologia de ponta, e harmonização hormonal.
- Nutrição optimizada e suplementada.
- Exercício físico sustendato e hormonalmente optimizado.

Pesquisar

 

Subscrever feeds

blogs SAPO

Subscrever feeds